Home » Entretenimento » Produtoras se inspiram em guerras para criar jogos de tiro

Produtoras se inspiram em guerras para criar jogos de tiro

A possibilidade de utilizar games para levar ao público elementos de guerras e de conflitos históricos fez com que as produtoras de jogos eletrônicos investissem na produção de títulos com este tema.

No início, a Segunda Guerra Mundial foi o tema preferido destes jogos. Com pesquisas aprofundadas e entrevistas com quem participou dos combates, os jogos se tornaram um documento interativo do que ocorreu na época.

Nos últimos anos, a tentativa de apresentar combates mais recentes nos games causou polemica. O jogo de tiro “Six days in Fallujah”, que mostraria a investida norte-americana no Iraque, foi cancelado. O motivo foi a polemica de mostrar soldados dos Estados Unidos morrerem em combate. A saída para as empresas foi mostrar a guerra do Vietnã, como em “Call of duty: black ops”, a Guerra do Afeganistão de 2001 no jogo “Medal of honor” ou partir para uma batalha moderna fictícia, no caso de “Modern warfare”.

O G1 apresenta os principais games de tiro que apresentam temática de guerras históricas e que, mesmo jogando e se divertindo, permitem conhecer um pouco mais do que aconteceu na época.

Sobre Lucas Souza Publicidade

Lucas Souza Publicidade
Jornalista e Blogueiro.

Verificar também

João Dourado: Vai ter ou não Festa da cebola?

A expectativa quanto a tradicional festa da cebola é imensa, tanto é que a população …